Fashion Paris

A incursão no guarda roupa masculino não parou por aí. Em um mundo dominado por rendas e babados, Chanel usou o tweed, material que era visto somente nas roupas dos homens, para lançar suas coleções.

Apesar de ter contado com uma ajuda masculina no início da carreira, a estilista, que prezava como ninguém a liberdade, devolveu cada centavo que foi emprestado ao seu amante. Talvez por prezar tanto o livre-arbítrio, em vez de se casar, como mandava a cartilha, Chanel nunca foi de homem nenhum. Colecionou amantes, mas não se prendeu a nenhum deles.

Quebrar regras em um mundo onde a mulher não tinha vez foi com certeza um dos seus maiores legados. A gente só espera que esse movimento no mundo da moda não se torne nunca assunto da coleção passada.

bola_pfw celine1 chanel chloe dior dries givenchy lanvin stella unnamed-1 valentinobailman chanel-spring-2015-show-paris-fashion-week-640x387

A La Chanel

Hoje, a Paris Fashion Week terminou debaixo de protesto… a la Chanel! Isso mesmo, a Maison françesa, comandada por Karl Lagerfeld, terminou seu desfile com um protesto feminista feito pelas modelos, contando com Cara Delavigne e Gisele Bundchen puxando a galera no megafone.

bola_chanel

E de todas as marcas que participam da semana de moda mundial, a Chanel definitivamente é uma das que mais tem autonomia para falar sobre esse assunto, não é mesmo?

chanel2gb33

Gabrielle Chanel, fundadora da marca, é de fato um dos símbolos feministas mais fortes da história. Nascida em 1883, na França, de uma mãe solteira (os pais só se casaram em 1884), Gabrielle ficou órfã de mãe aos 12 anos – e foi abandonada pelo pai em um orfanato.

chanel6 chanel4

Tendo tudo pra dar errado, aos 18 anos ela caiu no mundo sem nem saber que um dia o mundo o cairia por ela. Conheceu Etienne Balsan, de quem virou amante, e com o apoio dele, abriu uma chapelaria. Enquanto todo mundo usava o estilo Belle Epoque, todo cheio de frufrus, Coco, apelido que virou praticamente seu nome, lançou o chapéu “flapper” – nada exuberante e quase masculino.

Afiada que só, ela costumava se perguntar “como um cérebro consegue funcionar embaixo daquelas coisas?” – se referindo aos chapéus com penas enormes que eram moda na época. Em um período que a mulher existia basicamente pra ser mãe e esposa, Chanel ia muito além.

Enquanto andava a cavalo com Balsan, Coco observava as mulheres com vestidos volumosos e desconfortáveis tentando fazer passeios com os animais. Em pouquíssimo tempo, ela começou a “roubar” a calça do amante para ficar mais confortável, se tornando mais tarde uma das criadoras das calças femininas.

chanel7 chanel8

A Louis Vuitton por Iconoclastas

O lançamento da coleção The Icon and the Iconoclasts da Louis Vuitton conta com 6 versões de bolsas e malas com o icônico logo da LV desenvolvidas por Karl Lagerfeld, Rei Kawakubo, Cindy Sherman, Christian Louboutin, Frank Gehry e Marc Newson. Os modelos chegam nas lojas brasileiras a partir do dia 15/10! Confira It Girls cada uma das criações nas fotos. O que acharam??

LV1

A artista plástica Cindy Sherman apresenta o pioneiro baú da marca (com outras bolsas, malas e gavetas internas) que leva aplicações de selos vintage. LV2

A bolsa com inspiração no saco de boxe (R$ 13.500)

LV3

A criação de Karl Lagerfeld é inspirada nos acessórios do boxe. Tem bolsa inspirada em sacos de pancada, luvas e uma mala grande pra guardar tudo isso. LV4

A parte traseira de uma das bolsas – com fundo vermelho, igual aos sapatos (R$ 15.700) LV5A versão azul! (R$ 18.000)

LV6

Christian Louboutin não deixou de colocar sua marca registrada em suas criações o vermelho. Além dos spikes que também aparecem na bolsa, na clutch e na
mala com rodinhas. LV7

Marc Newson introduziu pele de carneiro (nas versões azul, laranja e creme) em modelos de mochila da grife. LV8O arquiteto Frank Gehry criou uma bolsa com alça que parece um cubo distorcido e assimétrico – que lembra muito suas criações.

LV9

Uma das malas com os selos (R$ 425.000, preço de obra de arte!)

 

#NYFW

Nova Iorque abre o calendário fashion na gringa, mas não é exatamente sempre lá que tudo começa. A NYFW as vezes trás um perfume de alguma coisa lançada antes em Paris ou Milão, mas tudo bem. A grande vocação da cidade é exatamente esse: transformar qualquer vanguarda em roupas que a gente quer de fato usar!

Nesse terreno reinam sempre Marc Jacobs, dessa vez com o neoclubber da Marc e os looks utilitários e delicados da marca que leva seu nome, Alexander Wang (que se sai bem melhor em casa que pela Balenciaga em Paris), o minimalismo da Calvin Klein, Michael Kors, com suas loiras indefectíveis… e as jovens e fresquíssimas Delpozo, Rosie Assoulin e as nem tão novatas gêmeas Olsen pela The Row, os nomes mais proeminentes da nova cena novaiorquina. Todas com algo em comum: a força das camisas sociais, elas estavam em to-dos os lugares!

Uma boa companhia foram as saias fortes, e as peças espertas criadas com mil tramas de linha, couro e outros tecidos leves ou encorpados, mas com resultado sempre muito interessante.

A tecnologia também deu pinta nas capas transparentes, bom recurso pra proteger da chuva, trazer leveza, ou só deixar o look mais bacana mesmo!
O jogo de mostrar e esconder também apareceu em conjuntos de croppeds estruturados e partes de baixo mais amplas revelando um pouco de pele, o suficiente pra deixar qualquer look irresistível.

Quer dizer, não que não seja nenhuma grande ousadia dividir um look em dois, a novidade mais interessante da temporada que dominou o desfile da Marc e da Rodarte, e pontuou muitas coleções. De um lado, uma cor, uma textura, do outro, qualquer coisa, menos o que se espera!

E o desejo de estar do lado de fora também encontrar voz em looks com cara de tarde gostosa de primavera, e ufa, a deles está distante, mas a nossa está logo ali!

O efeito também aparece em nós, no conceito de peças statment, em versões mais sutis, e também no styling, marcando as cinturas em altas amarrações.

desfile nyc (1) desfile nyc (2) desfile nyc (3) desfile nyc (4) desfile nyc (5) desfile nyc (6) desfile nyc (7) desfile nyc (8) desfile nyc (9) desfile nyc (10) desfile nyc (11)

Levi’s® lança “Live in Levi’s®”, nova campanha global inspirada por milhões de histórias de fãs apaixonados!

Ação celebra produtos icônicos e momentos autênticos usando Levi’s® destacando peças que já estão disponíveis na loja da marca no RibeirãoShopping

A Levi’s® anunciou hoje o lançamento de sua nova campanha global, “Live in Levi’s®”, o primeiro trabalho desenvolvido a partir de uma colaboração criativa exclusiva e customizada entre FCB – Foote, Cone & Belding, The House Worldwide e a Levi’s®.

Inspirada pelas milhões de histórias que consumidores contam sobre as coisas que fazem usando suas Levi’s®, o centro da nova campanha é a celebração de momentos reais de “Live in Levi’s ®” – desde primeiros encontros e recém-nascidos até rodeios e viagens de carro, e qualquer outra coisa. Apresentando a nova coleção, a campanha destaca o Levi’s® 511™ Slim jeans masculino e o Levi’s® Revel™ jeans feminino, além de produtos icônicos reinventados, como o jeans 501®, a Western shirt e a Trucker jacket. A nova linha homenageia o espírito, a atenção aos detalhes e o artesanato do amado original.

Mais de 140 anos depois de ter inventado o jeans, uma coisa está clara: as roupas da Levi’s® são amadas pelas pessoas que as usam – de presidentes a estrelas de cinema, agricultores a ícones da moda, empresários ao homem comum. Esta campanha tem como objetivo capturar o espírito da marca icônica que sempre foi uma personificação dos acontecimentos de seu tempo.

“‘Live in Levi’s®’ é mais do que uma campanha, é uma nova direção otimista que revigora a essência da Levi’s®. A energia, as histórias e o jeanswear icônico no centro do esforço reforçarão o que os fãs de longa data da Levi’s® amam sobre a marca e atrairão novos fãs ao redor do mundo. Estamos celebrando o espírito eternamente otimista e o produto icônico que fazem da Levi’s® uma marca relevante”, diz Jennifer Sey, CMO da Levi’s®.

“A autenticidade está na essência da marca. A Levi’s® inventou o jeans e ‘Live in Levi’s®’ capta o que significa vesti-los”, conta Eric Springer, Diretor Criativo para o Ocidente da FCB. “A campanha mostra a alegria contagiante de viver sem hesitação. Sua Levi’s® participa da história da sua vida.”

Na vanguarda da campanha “Live in Levi’s®” está uma abordagem digital inovadora, que serve para envolver e ativar a extensa comunidade global de fãs da Levi’s® em torno de suas experiências compartilhadas. Um filme social, apresentando histórias de pessoas e produtos que nenhuma outra marca pode contar vai ser lançado no início de agosto.

A campanha se estende por plataformas digitais e sociais, TV, cinema e impressos globais, enquanto procura envolver e ativar profundamente os consumidores através de eventos da vida real e virtual, bem como experiências móveis e na loja.

As peças destacadas na campanha “Live in Levi’s®”, como o Levi’s® 511™ Slim jeans masculino e o Levi’s® Revel™ jeans feminino, o jeans 501®, a Western shirt e a Trucker jacket, já estão à venda na loja Levi’s® RibeirãoShopping, localizada Av. Cel Fernando Ferreira Leite, nº, 1540, Jardim Califórnia, telefone 16 3623-3500.

levis (1) levis (2) levis (3) levis (4) levis (5) levis (6)

London Fashion Week

A fashion week da Terra da Rainha pareceu desafiar os seus clichês. Com a sobriedade de sempre, mesmo numa coleção de primavera/verão, a grande novidade foi ver os estilistas saindo de suas zonas de conforto. É, e sair da zona de conforto tá na moda!

A Burberry apresentou uma coleção cheia de transparências dando mais destaque às jaquetas curtas que aos seus clássicos coats. Mary katrantzou substitui mais uma vez estampas digitais por texturas, o brazuca Lucas Nascimento saiu do tricot e Tom Ford… ah, esse continua o mesmo!

Mesmo que Christopher Bailey tenha deixado eles um pouquinho de lado, não existe desfile na capital mundial das chuvas sem os indefectíveis coats, que desta vez, seguindo a onda de NY, vieram com transparências, combinados a shorts curtos, vestidos, ou absolutamente nada!

Isso mesmo, as transparências também deram o tom por aqui aparecendo em 11 a cada 10 desfiles. Revelando pedaços de pele, dando leveza às barras de vestidos e principalmente sobre as peças, trazendo de volta uma forte tendência (mais uma) do fim dos anos 90.

Pedaços de pele aliás apareceram também aqui e acolá das mais diversas formas, em recortes cada vez mais surpreendentes. Aproveite e revele o que você mais gosta!

Destaque total pros ombros, que ganham belos recortes e viraram o centro das atenções em vestidos de festa arrebatadores.

Na contramão aparecem vestidos que a primeira vista parecem simplíssimos, mas escondem tecidos tecnológicos e modelagem pra lá de arrojada. Básicos nada básicos!

As festas também prometem ser invadidas por barras assimétricas, que finalizaram looks bem interessantes. Do jeans desconstruído da Marques Almeida aos vestidos cheios de camada e frescor da Burberry.

Outras novidades importadas de NY que deram pinta por aqui foram as peças com efeito 3D e os nós, que também embrulharam looks em Londres. Dos enormes, que dominam aos sutis, como nas cordas de marinheiro usadas por J.W Anderson, a nova aposta do gigante LVMH (olho nele!)

Aliás, falando em nó de marinheiro, uma tendência novinha em folha apareceu por aqui. As estampas náuticas tomaram Londres de assalto trocando o cheiro de chuva pelo cheiro de mar!

London (1) London (2) London (3) London (4) London (5) London (6) London (7) London (8) London (9) London (10)

Quarta Shop Music

Olá minhas queridas It Girls, hoje venho contar sobre o Quarta Shop Music que aconteceu na última quarta feira, 24 de Setembro no Shopping Iguatemi. O evento que teve como anfitriã a loja Schutz e a presença VIP de Chay Suede foi um Sucesso! Fotos: Débora Pitanguy, Fábio Benedicto e Lucas Lopes e Wanessa Morgan.

Schutz (2) Schutz (3) Schutz (4) Schutz (5) Schutz (6) Schutz (7) Schutz (8) Schutz (9) Schutz (10) Schutz (12) Schutz (13)Schutz (1) Schutz (11)

 E o look escolhido da noite foi by Colcci =)

Coleção da C&A com Barbie e Patricia Bonaldi

A nova coleção da C&A em parceria com estilistas traz uma novidade. Além de se unir a PatBo, segunda marca de Patricia Bonaldi, a rede de varejo se junta à Mattel, fabricante da Barbie, para uma coleção para meninas e mulheres. Esta é a primeira vez que a estilista cria peças infantis. A linha, que chega às lojas selecionadas no dia 23 de setembro, é composta por roupas, sapatos, bolsas e acessórios, com preços que variam de R$ 69,90 (top) a R$ 299,90 (vestido bordado).

Esta é a primeira vez que a C&A faz parceria com uma fabricante de brinquedos no projeto “Collections”, mas já é a segunda linha assinada por Patricia Bonaldi para a rede. No fim de 2013, a PatBo lançou uma coleção de festa com a varejista.

Para o público infantil, Patrícia Bonaldi buscou referências no mundo lúdico da Barbie. “A inspiração para desenvolver a coleção foi na imagem mais street da boneca, mas sem deixar de lado a essência encantadora dela”, disse a estilista. As peças refletem o lifestyle das meninas, trazendo à tona o estilo girly de uma forma mais despojada, com vestidos lisos e estampados com cintura marcada e shape estruturado, shorts jeans destroyed, vestido preto rendado com recortes, camisas, macacões e camisetas coloridas.

Para as mulheres, o vestido longo com tule é uma das apostas. Patricia também propõe vestidos curtos com cintura marcada para uma ocasião mais despojada. O vestido bata no estilo hippie-chic, estampado ou liso com bordados, inova a produção e dá leveza e fluidez. O clássico “tubinho” foi repaginado e surge em renda guipure com decote nas costas. A novidade dessa segunda parceria com a estilista é a linha jeans, com bordados em arabescos, pérolas e pedrarias coloridas. O colete tem modelagem boyfriend e pode ser coordenado com calça skinny, dando um ar grunge. Os tecidos em denim aparecem em tons claro, escuro e off-white, com preços de R$ 129 a R$ 199. Os bordados em pérolas e canutilhos, feitos à mão, permeiam toda a coleção.

As sapatilhas estampadas em floral com fundo preto e as sandálias rasteiras e com salto são destacadas por pedrarias brancas e pretas. Para finalizar o look das crianças, bolsas em formato de coração e tons vibrantes e tiaras com pedrinhas coordenando a produção. Já para as mulheres a novidade são as clutches bordadas e as bolsas tiracolos coloridas. Sapatos e cintos em metal vazados também valorizam a composição do look. Os brincos, anéis e braceletes surgem com pedrarias e metais preto fumé, ouro e rosé.CEA-PatBo-Patricia-Bonaldi-Barbie (8)CEA-PatBo-Patricia-Bonaldi-Barbie (4)
CEA-PatBo-Patricia-Bonaldi-Barbie (2) CEA-PatBo-Patricia-Bonaldi-Barbie (1)

Karl Lagerfeld cria Barbie para comemorar 55 anos da boneca.

Karl Lagerfeld não para de fazer parcerias e espalhar seu nome pelos quatro cantos do mundo — o que significa assinar todo tipo de produto, de tênis a maquiagens. Mas a mais nova colaboração promete atiçar os desejos consumistas de muita gente.

O estilista e a Mattel uniram forças para criar a Barbie Lagerfeld, uma edição limitada da boneca que começa a ser vendida no dia 29 de setembro no site Net-a-Porter.

O anúncio da data foi feito no dia 2 de setembro no perfil da boneca no Twitter, acompanhado da imagem do produto.

Diferentemente de outras parcerias entre a empresa e estilistas, que criaram para a Barbie roupas de fazer inveja até a Kim Kardashian, desta vez a boneca virá vestida como o próprio Lagerfeld: blazer preto, camisa branca de colarinho alto e jeans escuros e justos — e de cabelo branco.

Claro que não poderia faltar a gravata larga, os óculos escuros, as botinhas e a luva sem dedinhos. A parceria vai envolver o que o “WWD” chamou de o menor par de luvas sem dedos do mundo.

Barbie-Lagerfeld-Karl-boneca-parceria karl-sketch

 

Forever 21 lança coleção toda inspirada na Barbie

A boneca mais querida do mundo estampará peças fofitas que, vale dizer, já estão esgotadas no site da marca!

Se você tem, pelo menos, 20 anos, deve ter dedicado muitas horas da infância às brincadeiras com Barbie, certo? Então, pode se preparar pra reviver o passado, porque a boneca mais fashionista do mundo acaba de servir como inspiração pra Forever 21.

Em comemoração aos 55 anos da Barbie, a rede de fast fashion assinou uma parceria com a Mattel Inc e criou uma coleção adulta e teen fofíssima. Peças como suéteres, top cropped, regatas e maiôs fazem parte da linha, além de nécessaires e escovas. Tudo bem feminino, com estampas da boneca e muito pink.

E pra provar que a Barbie está mesmo com tudo, a Lord & Taylor e a Wildfox, outras duas grifes americanas, também lançarão em breve coleções inspiradas na cinquentona!

Forever 21 Barbie (1) Forever 21 Barbie (2) Forever 21 Barbie (4)